ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que a partir de segunda, 23 de março, a sede do sindicato estará fechada e todos os atendimentos serão realizados de forma remota (online), por tempo indeterminado. Os (as) sindicalizados (as) poderão entrar em contato com a entidade das 8h às 12h e das 14h às 18h através do e-mail sedufsm@terra.com.br ou dos telefones (55) 99614-2696 e (55) 99935-8017.

Sindicato


Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

23/07/2020   23/07/20 09h37 | A+ A- | 314 visualizações

UFSM publica e-book sobre migrações e direitos humanos

Migraidh faz live para detalhar obra na próxima terça, 28, às 19h,pelo youtube


O Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão Direitos Humanos e Mobilidade Humana Internacional (Migraidh) – Cátedra Sérgio Vieira de Mello, da UFSM, está lançando um e-book intitulado “Migrações Internacionais: Experiências e Desafios para a Proteção e Promoção de Direitos Humanos no Brasil”. A obra, que é dividida em 11 capítulos escrito por autores e autoras de diversas áreas do conhecimento, é organizada pela professora do curso de Direito da UFSM Giuliana Redin, e lançada pela Editora da universidade, que, inclusive, já a tem disponível em seu site para download.

Conforme Giuliana Redin, a publicação digital tem entre seus objetivos publicizar a experiência de seis anos de atuação do Migraidh em defesa dos direitos da população de migrantes e refugiados, e, desta forma, contribuir também para o debate para a formulação de políticas públicas e fortalecimento da defesa dos Direitos Humanos e da democracia.

Giuliana Redin: obra ajuda no combate à exclusão social

Na avaliação da docente, o lançamento da obra na atual conjuntura é ainda mais relevante, pois “a pandemia não apenas expôs, mas também aprofundou a desigualdade social que se move na lógica da exclusão, reduzindo o outro a um mero instrumento econômico, precarizando ainda mais os grupos vulneráveis, dentre eles, os migrantes e refugiados”. Para Giuliana, promover direitos humanos é “promover justiça social, condição para qualquer democracia, por isso é preciso que esse referencial civilizatório seja fortalecido, sobretudo em momentos de grande fragilidade humana e social, em que os discursos excludentes, baseados em bodes expiatórios, tendem a ser disseminados”.

Lançamento virtual

Para saber mais detalhes sobre a obra basta acompanhar o seu lançamento, através de uma live que ocorrerá na próxima terça, 28 de julho, a partir das 19h, pelo canal do Grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão Direitos Humanos e Mobilidade Humana Internacional (Migraidh) – Cátedra Sérgio Vieira de Mello da UFSM, no Youtube.

 

Texto: Fritz R. Nunes com informações do site da UFSM

Imagens: Divulgação

Assessoria de imprensa da Sedufsm



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2020 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041
Website por BM2 Tecnologia em Internet