MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Sindicato

ATENDIMENTO DA SEDUFSM

A Sedufsm informa que a partir de segunda, 23 de março, a sede do sindicato estará fechada e todos os atendimentos serão realizados de forma remota (online), por tempo indeterminado. Os (as) sindicalizados (as) poderão entrar em contato com a entidade das 8h às 12h e das 14h às 18h através do e-mail sedufsm@terra.com.br ou dos telefones (55) 99614-2696 e (55) 99935-8017.


Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
sedufsm@terra.com.br

Twitter

SEDUFSM

Facebook

SEDUFSM

Youtube

SEDUFSM

Notícias

10/11/2020   10/11/20 18h22 | A+ A- | 1365 visualizações

UFSM divulgará cronograma de retorno gradual às atividades nesta quarta

Governo publicou Instrução Normativa autorizando retorno dos servidores à presencialidade


No último dia 29 de outubro, o Secretário de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia, Wagner Lenhardt, assinou a Instrução Normativa (IN) número 109, que autoriza o retorno dos servidores públicos à presencialidade a partir de 3 de novembro de 2020.

Na tarde desta terça, 10, a Assessoria de Imprensa da Sedufsm contatou o vice-reitor da UFSM, Luciano Schuch, que confirmou o retorno gradual das atividades e antecipou que a instituição lançará uma nota nesta quarta, 11, com o cronograma e demais informações a respeito do retorno. Ainda segundo o gestor, a reitoria terá uma reunião com os diretores de centro a fim de fechar os últimos detalhes. Outros dois questionamentos foram realizados ao vice, contudo sem retorno até o fechamento desta matéria: se a volta à presencialidade ocorreria ainda este ano, e se valeria apenas para servidores técnico-administrativos em educação ou também para docentes.

Clóvis Senger, presidente da ATENS, explica que a entidade está reunindo informações sobre o assunto, a exemplo do número de servidores que estão desempenhando suas atividades em cada uma das modalidades. “Na próxima semana iremos discutir amplamente o assunto com nossos filiados e assessoria jurídica, para garantir que não sejam implementadas medidas que venham trazer risco as pessoas e à comunidade de uma maneira geral”, comenta o dirigente.

Rejeição

Para o vice-presidente da Sedufsm, João Gilli Martins, duas questões se sobressaem: uma é relativa à autonomia universitária, que, em sua análise, é ferida com a edição não só dessa, mas de outras instruções normativas que alijam a comunidade universitária de um amplo debate. Outra é a realidade da pandemia.

“Temos que ser contrários à Instrução Normativa nº 109. Enquanto não tiver vacina ou fármaco que debele a Covid-19, temos que estar em isolamento social pleno. Embora isso hoje não venha ocorrendo, é preciso defende-lo. O que o governo está propiciando é a contaminação e o extermínio controlados da população. Por isso, temos que ser contrários ao retorno gradual nesse momento. As atividades presenciais da universidade têm de voltar somente quando existir vacina e quando tivermos implementado um processo de vacinação em massa que possa tornar as pessoas imunes ao novo coronavírus”, pondera Gilli.

O Conselho Universitário (CUV) da Universidade Federal Fluminense (UFF) aprovou, por ampla maioria, moção de rejeição à IN. Leia o posicionamento: “O Conselho Universitário (CUV) da Universidade Federal Fluminense (UFF) rejeita o retorno gradual ao trabalho presencial, conforme dispõe a Instrução Normativa n° 109, de 29 de outubro de 2020, do Ministério da Economia, dado que não há vacina contra a COVID-19 e não há condições sanitárias seguras para o desenvolvimento das atividades. Conselheiros(as): Alessandra Primo, Luiz Carlos e Wagner Peres”.

Já o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) divulgou nota afirmando que “não há mudança significativa no quadro epidemiológico que assegure condições sanitárias e de atendimento de saúde pública que viabilizem atividades presenciais”, acrescentando que a instituição mantém, no modo presencial, somente os trabalhos considerados essenciais.

 

Texto e print: Bruna Homrich

Assessoria de Imprensa da Sedufsm

 

 

 



Fotos



* Clique na foto para Ampliar!


Compartilhe com sua rede social!














© 2021 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041