Sedufsm tem agenda de discussão sobre encargos docentes, que inicia na quinta, 16 SVG: calendario Publicada em
SVG: atualizacao Atualizada em 16/11/23 09h10m
SVG: views 572 Visualizações

Proposta, retirada em assembleia, é construir uma minuta que atenda às necessidades da categoria

Alt da imagem

Na próxima quinta-feira (16), a Sedufsm inicia o debate nos centros e campi para a proposição de uma minuta sobre os encargos docentes que contemple as necessidades da categoria. O calendário prevê atividades até o dia 28 de novembro. Posteriormente, com as sugestões elencadas, será construída uma minuta com o Grupo de Trabalho (GT) Carreira para ser encaminhada à gestão da UFSM.

A construção de um novo documento sobre esse tema foi discutida em assembleia docente, quando a proposta apresentada pela Reitoria foi rejeitada. Para o debate, a Sedufsm elenca algumas questões, como a necessidade de limite de sala de aula, maior tempo dedicado ao planejamento de aulas e atendimento de estudantes, ampliação do escopo de atividades e redução de encargos para coordenações de curso, entre outros.

A diretora da Sedufsm, Neila Baldi, explica que, desde que a Reitoria protocolou um projeto de revisão da minuta dos encargos docentes, em dezembro do ano passado, o sindicato está atento à questão e realizou uma série de reuniões e proposições. No entanto, as propostas não foram consideradas pela gestão, que levou o processo ao Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE). A partir da articulação do sindicato, conselheiros e conselheiras rejeitaram a proposta e pediram à gestão um amplo debate.

No último dia 30, a Reitoria realizou um encontro com docentes, quando o reitor, Luciano Schuch, admitiu alterar a proposição, colocando limite de sala de aula, assim como criando um calendário de discussão. “Entendemos que temos que iniciar o projeto do zero, não usar a minuta em questão para o debate”, afirma Neila. Ela lembra que a Sedufsm realizou um amplo estudo, no primeiro semestre, analisando minutas de diversas universidades, para apresentar propostas.

“A nossa avaliação, hoje, é de que existe uma sobrecarga de trabalho docente, que tem levado, inclusive ao adoecimento, e a minuta proposta não atacava esse problema. Com os encargos devidamente computados, vamos perceber que precisamos de mais docentes e não, de mais trabalho”, afirma Neila.

Veja o calendário das discussões:


16 de Novembro, CT e CCNE

16h- Auditório 355 A (anexo 9A, no CT).


20 de Novembro, CE

9h- Audimax (prédio 16)


21 de Novembro, Campus de Frederico Westphalen

14h- Espaço de Convivência.


22 de Novembro, CAL e CCR

9h- Auditório Flavio M. Schneider (CCR).


22 de Novembro, Campus de Palmeira das Missões

9h- Auditório do prédio 2.


24 de Novembro, CCS

9h30, Anexo 26B.


27 de Novembro, CEFD

9h30, Miniauditório (prédio 51, 2º andar).


27 de Novembro, CCSH

16h, Sala 2275 (prédio 74A).

 

28 de Novembro, Campus de Cachoeira do Sul

9h, Auditório C3-21.

 

Texto: Fritz R. Nunes
Foto: Cadiani Lanes Garcez
Assessoria de imprensa da Sedufsm

 

 

 

SVG: camera Galeria de fotos na notícia

Carregando...

SVG: jornal Notícias Relacionadas

Sindicato finaliza reuniões para construção de proposta de encargos docentes

SVG: calendario 05/12/2023
SVG: tag Minuta
Colaborações de docentes das Unidades serão importantes na elaboração de documento da Sedufsm que será enviado aos conselhos superiores

Sedufsm segue na construção colaborativa de nova proposta sobre encargos docentes

SVG: calendario 30/11/2023
SVG: tag Minuta
Reuniões buscam atender demandas dos professores e professoras, e se encerram terça-feira, em Cachoeira do Sul

Sedufsm intensifica debates para proposição de nova minuta sobre encargos docentes

SVG: calendario 24/11/2023
SVG: tag Minuta
As reuniões, que iniciaram dia 16 de novembro, seguem até dia 5 de dezembro contemplando centros e campi da UFSM

Veja todas as notícias