MOBILIZAÇÃO CONTRA REFORMA ADMINISTRATIVA

Cartilha sobre a PEC 32

Últimas Notícias

Espaço Cultural

Reflexões Docentes

Contatos SEDUFSM

(55) 3222 5765

Segunda à Sexta
08h às 12h e 14h às 18h

Endereço

SEDUFSM
Rua André Marques, 665
Centro, Santa Maria - RS
97010-041

Email

Fale Conosco - escreva para:
[email protected]

Notícias

03/05/2022   04/05/2022 00h07m   | A+ A- |   310 visualizações

Sedufsm visita docentes da UFSM em Palmeira das Missões e coloca sindicato à disposição da categoria

Atividade de acolhimento ocorreu na tarde desta terça-feira,3 de maio


Das 13h às 18h desta terça-feira, 3 de maio, as diretoras da Sedufsm Liane Weber e Márcia Morschbacher estiveram presentes, acompanhadas de funcionários/as da seção sindical, no campus da UFSM em Palmeira das Missões. Ao montar uma mesa do sindicato no hall de entrada (prédio 1) da universidade, o objetivo era recepcionar as e os docentes que, desde o dia 11 de abril, retornaram às suas atividades presenciais na instituição. Essa é a primeira vez que a gestão 'Renova Sedufsm', eleita para dirigir o sindicato em plena pandemia, vem aos campi fora de sede. Nesta quarta, 4, a visita é às e aos professores do campus de Frederico Westphalen e, na quinta, 5 de maio, às/aos de Cachoeira do Sul. 

A exemplo da 'tenda' armada nos dias 11, 12 e 13 de abril, no campus sede (Santa Maria), o sindicato trouxe para Palmeira máscaras de tipo PFF2, adesivos em defesa da universidade pública, da vida e da ciência, cartilha sobre os malefícios da Reforma Administrativa (PEC 32/20), panfletos informativos sobre o sindicato e agendas 2022. Durante o dia, as diretoras também foram até às salas de docentes, numa ação de buscativa àquelas e àqueles que por ventura não tenham passado pelo hall de entrada.

Uma conversa também foi realizada com o vice-diretor do campus, professor Daniel Ângelo Graichen, para expressar a demanda do sindicato de afixar, em cada um dos quatro campi, um totem permanente que ilustre as reivindicações do sindicato. 

Márcia Morschbacher avalia que a ida ao campus de Palmeira das Missões e a acolhida a docentes e à comunidade, demarcando o retorno presencial, foi muito positiva.

"Distribuímos materiais do sindicato, passamos em salas de professores/as, dialogando sobre pautas de reivindicações gerais, e também específicas da categoria docente. A recepção da comunidade foi ótima, com muita disposição para o diálogo. O retorno presencial é das atividades acadêmicas, mas é também de retomada da atividades presenciais da SEDUFSM de forma sistemática, em contato mais próximo com os e as docentes, em seu cotidiano de trabalho. E as atividades de acolhida no campus de Palmeira das Missões cumpriram também com este objetivo", pondera a dirigente. 

Não foi só com professores/as que o sindicato conversou. Diversos técnico-administrativos/as em educação e principalmente estudantes mostraram-se curiosos e atentos à mensagem do sindicato. 

*Professora Márcia Morschbacher dialoga sobre pautas da Campanha Salarial 2022

*Professora Liane Weber conversa com estudantes sobre importância de todas e todos defenderem a universidade pública, a ciência e os/as servidores/as

Campanha Salarial 

Na prosa junto à categoria docente, além de levantar questões sobre a realidade específica das e dos docentes da UFSM, colocando o sindicato à sua disposição, as diretoras também abordaram temas relativos à Campanha Salarial 2022 das Servidoras e Servidores Públicos Federais, cujas principais reivindicações são o reajuste de 19,99% para todo o funcionalismo, a revogação da Emenda Constitucional 95 (responsável por determinar o teto de gastos e congelar investimentos nos serviços públicos) e a derrubada da PEC 32/20 (Reforma Administrativa) no Congresso Nacional. Atualmente, a PEC tramita na Câmara dos/as Deputados/as e só não foi aprovada ainda porque no final do ano passado as e os servidores públicos protagonizaram intensas mobilizações, semana após semana, em Brasília. 

Cronograma nos campi 

A atividade de recepção da Sedufsm à categoria docente tem seguimento nesta quarta-feira, 4, no campus da UFSM em Frederico Westphalen, onde o sindicato estará disponível entre às 8h e às 13h, no Espaço de Convivência. Já na quinta-feira, 5 de maio, é a vez de as e os docentes de Cachoeira do Sul receberem a visita da entidade, que ficará, das 13h às 18h, no prédio Q4LAB1 (sala 201).

 

Texto e fotos: Bruna Homrich

Assessoria de Imprensa da Sedufsm 

Fotos da Notícia

Compartilhe com sua rede social


© 2022 SEDUFSM
Rua André Marques, 665 - Centro, Santa Maria, RS - 97010-041